Buffet – Como escolher o cardápio da festa?

Quantas e quantas festas você já não foi e viu que tinha um ou alimento meio fora de contexto, que talvez não seria necessário estar ali, ou até mesmo que os convidados não aprovam muito? Tirando quando sobra comida demais e no dia seguinte não tem onde guardar tudo, né? Bom, isso tem solução!

Como você pode ver, durante a fase de organização das festas, uma das maiores dificuldades é escolher o cardápio e decidir pela quantidade certa de cada produto selecionado. Isso leva a gastos desnecessários que doem no bolso e no coração, além de um desperdício que poderia muito bem ser evitado. E a pergunta que fica é: “como escolher, então, o cardápio da festa?”. Veja só as dicas que separamos para você:

sushi-on-white-plates-on-brown-wooden-table-2264036.jpg

1. Identifique os convidados

Decida, em primeiro lugar, pelas pessoas que serão convidadas para a sua festinha. Feito isso, procure entender o público geral, isto é, tem mais adultos, crianças ou adolescentes? Mulheres ou homens? Depois, tente entender os desejos e restrições de cada um, aliás, se vai convidar alguém, ela precisa ser muito bem recebida.

 

2. Defina o horário da festa e o tipo de comida que servirá

Você não come as mesmas coisas no café da manhã, no almoço e na janta, né (tudo bem que às vezes tem algumas exceções)? Seus convidados são como você! Então, quando escolher pelo horário da festa, tente direcionar mais ou menos o tipo de comida que servirá, como salgados, algo mais tradicional, exótico, entre outros.

 

3. Entrada + Prato principal + Sobremesa + Bebidas

Isso é padrão para festas, eventos, restaurantes e, inclusive, para a rotina. Normalmente sempre tem aquela entrada, algo mais leve para, ai sim, introduzir o prato principal seguido da sobremesa. A bebida fica para acompanhar os alimentos desde o início. Então, após estudar bem e decidir pelo tópico 2, é hora de separar qual alimento ficará para cada etapa do processo.

Ah, e se atente para o prato principal, pois ele é o ápice de toda festa. Portanto, se for uma festa que exija um buffet, prepare um bom almoço ou janta, com comidas de gostos comuns e, claro, aquelas misturas deliciosas de dar água na boca.

 

4. Quantidade por convidado

Essa é a parte difícil, mas a gente facilita para você. Veja o esquema abaixo:

  • Entrada: 10 a 12 unidades por convidado (se forem miniaturas, como mini hambúrgueres ou salgadinhos, por exemplo);
  • Prato principal: 1 + ½ (uma porção e meia) por convidado;
  • Sobremesa: 5 ou 6 doces por convidado e, em relação ao bolo, 1kg para 10 convidados;
  • Bebidas: 200 ml de água, 400 ml de suco ou refrigerante, 3 ou 4 latas de cerveja (tudo isso para cada pessoa).

Para bebidas, entre em contato com distribuidoras e peça consignados, ou seja, o que não usar, você devolve e não paga. Ajuda bastante na redução de custos.

5. Quantidade de garçons

Se você for optar por uma mesa feita, escolha um ou dois garçons para entregar as bebidas e fornecer outros pedidos. Caso prefira por solicitação de convidados, selecionar 1 garçom para 10 a 15 pessoas é o ideal. Lembre-se de que você é a anfitriã, e, por isso, deve se preocupar somente em receber os convidados.

 

 

6. Calculadora de Festa

Quer facilitar a escolha da comida e a quantidade a ser escolhida? Então utilize a Calculadora de Festa, uma ferramenta exclusiva no mercado que calcula exatamente o que precisa para o número de pessoas, tema da festa, tipo de festa, enfim, várias outras opções. Veja neste blog como usar a Calculadora e economizar gastos com ela.

Viu? Seguindo essas seis dicas, pode ter certeza de que seu cardápio vai sair na medida e perfeito para agradar todos os convidados. Fazer sucesso com a comida não é tão difícil quanto parecia antes desse blog.

E aí, o que achou?